Blog do Cid Benjamin


Receba por e-mail as atualizações deste blog

Caso você queira receber por e-mail as notas e os artigos postados neste blog, é só nos fazer o pedido no campo reservado aos comentários.

Escrito por Cid Benjamin às 07h11
[   ] [ envie esta mensagem ]




Templo é dinheiro



Escrito por Cid Benjamin às 07h10
[   ] [ envie esta mensagem ]




A bobagem do dia

"Às vezes, um médico receita para a pessoa tomar dez comprimidos, mas o cidadão tomou três e melhorou, ele pode tomar o quarto ou quinto, mas normalmente ele pára de tomar. E vai juntando comprimido, vai juntando. Aí, de repente, numa noite, ele acorda com uma dor de cabeça, com uma enxaqueca, com uma coisa qualquer, e vai procurando o primeiro remédio que encontra. Tem gente que coloca remédio no nariz que era para colocar nos olhos, tem gente que coloca nos olhos o que era para colocar no nariz..."
Lula, em discurso, na cerimônia de implementação do Programa de Medicamentos Fracionados



Escrito por Cid Benjamin às 07h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




Para governar e mudar o Brasil - de César Benjamin

Quem quiser ler a contribuição de César Benjamin, candidato a vice na chapa de Heloísa Helena, para a construção de um programa de governo pode encontrá-lo em http://www.contrapontoeditora.com.br/docs/Para%20governar%20e%20mudar%20o%20Brasil.pdf.



Escrito por Cid Benjamin às 07h09
[   ] [ envie esta mensagem ]




Debate com César Benjamin e Milton Temer lota auditório

Foi um sucesso em todos os sentidos o debate promovido pela dobradinha Chico Alencar (candidato à reeleição como deputado federal com o número 5050) e Cid Benjamin (candidato a deputado estadual número 50050). Estavam presentes também Raymundo de Oliveira, candidato ao Senado (número 212) e o candidato a vice-governador Eliomar Coelho. Havia perto de 200 pessoas e foi preciso estender o debate um pouco além do horário previsto para o seu término, dado o interesse dos presentes. Abaixo, a mesa do debate em foto de Verinha Siqueira.

A partir da esquerda: Raymundo, Chico, César, Cid, Temer e Eliomar



Escrito por Cid Benjamin às 07h08
[   ] [ envie esta mensagem ]




Por que o medo de Heloísa Helena?

Este texto é o boletim eletrônico da Heloísa Helena.

A pedido da coligação que apóia Lula, candidato à reeleição, o TSE - Tribunal Superior Eleitoral proibiu que imagens da Volkswagen, no ABC paulista, fossem veiculadas pelo PSOL em sua propaganda eleitoral. Que cenas tão perigosas motivaram a ação? Uma linha de montagem de automóveis e um comício em praça pública, que ilustrariam o drama de 3.600 metalúrgicos demitidos da fábrica de São Bernardo do Campo (SP). As imagens serviriam, também, para as denúncias que Heloísa Helena vem fazendo da atual política econômica, que conduziu o país a uma das mais baixas taxas de crescimento do mundo e a maior taxa de juros do planeta.
Há investimento de sobra no mercado interno para sustentar o crescimento brasileiro, mas, hoje, contamos com menos de 32% da utilização plena da nossa capacidade produtiva”, afirma Heloísa, que já recorreu da decisão do TSE.



Escrito por Cid Benjamin às 07h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




Fala sério!

Este texto também foi retirado do boletim eletrônico da Heloísa Helena.

Orleir Cameli, ex-governador do Acre, de vasto prontuário onde se destaca a apreensão de um Boeing da família com contrabando (isso mesmo, um Boeing, porque afinal ele não é homem de pequenos empreendimentos); Ronivon Santiago, assíduo freqüentador de escândalos contra o patrimônio público, que ingressou nas páginas policiais, para não mais sair, no escândalo da compra de votos para a reeleição de Fernando Henrique; Aureliano Pascoal, irmão e herdeiro político de Hildebrando “motoserra” Pascoal, aquele dublê de oficial da PM e deputado que nas horas vagas se dedicava a serrar seus desafetos, têm algumas coisas em comum.
Acertou quem lembrou que todos são do Acre. Acertou também quem lembrou que eram do grupo político que foi afastado do poder há oito anos, quando o PT liderou uma coalizão de pessoas de bem para mudar a política do Acre. Até aqui foi fácil. Nem foi preciso pedir ajuda aos universitários. Agora ganha uma passagem para Pago-Pago no Aerolula quem adivinhar por onde eles estão retornando à política no Acre?
Bingo para você que acertou. Eles estão voltando aliados a Binho Marques, candidato do PT ao governo do estado e ... a Lula.



Escrito por Cid Benjamin às 07h06
[   ] [ envie esta mensagem ]




Newtão rejeita o PT corrupto

Esta é do blog do Marona, reproduzindo resposta de Newton Cardoso à Folha.

Aliado de Lula em Minas Gerais, Newton Cardoso assegura que só tem relação com a parte honesta do PT. Da parte corrupta, Newtão quer distância. Vejam:

Folha - Mas e a relação difícil com o PT, que o acusava de corrupto?
Newton - O PT, ao fazer mea-culpa, está mostrando que o meu governo [1987-91] foi íntegro, sério. O PT, no passado, foi muito crítico e mordaz. Agora faz mea-culpa. Aprendeu com o Lula, que tem sido competente ao criticar o PT do passado. O PT que avançou foi o da linha moderada. Não pode ter um partido que de um lado levou cacetada com mensalão, com roubo, com corrupção e um partido honesto. Há o PT honesto e o PT corrupto. O Lula não participou de nenhum processo de corrupção, e o próprio povo já rechaçou isso.

Comentário de Marona: Estou curioso para saber de que parte do PT Collor decidiu se aproximar ao declarar que apóia a reeleição de Lula.



Escrito por Cid Benjamin às 07h05
[   ] [ envie esta mensagem ]




A turminha do Lula

A peça publicitária denominada “a turminha do Lula” foi exibida pelo PSDB no horário eleitoral e, posteriormente, proibido por determinação do TSE, que atendeu a pedido do PT. Se você quiser vê-la, clique em http://www.youtube.com/watch?v=K3v9w2lwzWI



Escrito por Cid Benjamin às 07h05
[   ] [ envie esta mensagem ]




50% dos votos nulos não anulam a eleição, diz Marco Aurélio, do TSE

(fonte: http://uolpolitica.blog.uol.com.br/index.html - 06/09/2006)

Acabou um dos mitos mais recorrentes na Internet durante o atual processo eleitoral: o de que 50% ou mais dos votos nulos dados pelos eleitores anulariam o pleito sendo necessária a convocação de nova votação. É quase impossível encontrar alguém que não tenha recebido o spam da campanha que divulga essa lenda. Pois o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Marco Aurélio Mello, diz que essa determinação não existe na lei, não está na Constituição e há até uma decisão recente da Corte (de agosto último) falando exatamente o oposto.
A explicação de Marco Aurélio Mello é cristalina e vem em boa hora. Nada contra o voto nulo, uma manifestação legítima do eleitor (basta digitar "00" na urna e clicar em "confirma"). O ruim era que pessoas estavam acreditando ter o poder de cancelar o pleito. Não têm. O voto nulo basicamente vai ajudar a eleger mais dos mesmos. Quantos menos forem os votos válidos, menos votos vai precisar um político tradicional para ficar no cargo que já ocupa ou um político ruim para se eleger.
O equívoco existia porque, de fato, a lei fala sobre novo pleito quando "a nulidade atingir a mais da metade dos votos no país". Ocorre que essa "nulidade" se refere aos votos anulados por fraude, entre outras razões, e não aos votos nulos dados pelo eleitor - algo bem diferente.



Escrito por Cid Benjamin às 07h05
[   ] [ envie esta mensagem ]




Sempre tire a cobra do buraco com a mão de outra pessoa, mas fique com o crédito – texto de Francisco Ferraz

Abaixo, reproduzo o texto intitulado Sempre tire a cobra do buraco com a mão de outra pessoa, mas fique com o crédito. Ele foi publicado no site Política para Políticos, de Francisco Ferraz e, se Lula fosse dado a leituras, poderia ser seu livro de cabeceira.  Parece que foi com ele que Lula inspirou-se para lidar com os casos de corrupção em seu governo.

 Apesar do cinismo da frase, o candidato deve estar atento para as regras do jogo político

Essa é uma regra que não apenas parece cínica, como é. Sem dúvida, trata-se de um estímulo ao oportunismo, à dissimulação da responsabilidade, ao uso de outra pessoa em benefício próprio.
O candidato deve sempre lembrar que o mundo do poder, mesmo numa democracia, tem a dinâmica de uma selva
Entretanto, no mundo da política prática, lembrando Maquiavel sobre a estranha relação entre vícios privados e benefícios públicos, ela não só é extensivamente praticada, como encontra razões que a justifiquem.
O mundo do poder, mesmo numa democracia, tem a dinâmica de uma selva. Conquistar e manter o poder não é uma qualidade que se adquire com “bons modos”. Adquire-se na luta, derrotando e desqualificando adversários, apropriando-se de bases eleitorais que ficam disponíveis, usando a persuasão, mas também a sedução, criando e mantendo uma imagem que estimula a adesão, envolvendo-se em “conchavos”, produzindo “lances e jogadas” oportunistas, etc.
Neste mundo, o líder ocupa uma posição especial, tanto no que respeita às vantagens como aos riscos e desvantagens. O líder político, por sua ação, protege seus auxiliares e os que o apóiam, outorga-lhes uma porção do seu poder, pela proximidade, acesso e influência, gera benefícios privados, como empregos, ajuda, acesso aos serviços públicos, contratos, etc.
Em troca destes benefícios, ele exige trabalho e lealdade. A desgraça de um auxiliar, de um apoiador, embora possa ser uma tragédia pessoal para quem a sofre, não abala aquela pirâmide de poder, na qual o líder ocupa a posição de ápice.
Por outro lado, a desgraça do líder, além de uma tragédia pessoal é também uma tragédia coletiva. Ela abala e pode destruir toda a pirâmide, levando consigo todos os seus auxiliares. O princípio por detrás dessa realidade é o da substitutibilidade.
Assim como nos negócios, no esporte, na guerra, e em outros empreendimentos coletivos, é praticamente impossível substituir de forma imediata alguém que ocupa uma posição de comando. Inversamente, é muito mais fácil substituir alguém que está numa posição subordinada.
O líder, o dirigente da empresa, o jogador de exceção, o general, para referir a apenas alguns exemplos, são pessoas que ocupam posições de difícil substituição imediata. Chegaram às posições onde se encontram, em razão de um longo aprendizado, de muitas experiências em escalões inferiores, adquirindo um conhecimento teórico e prático sobre a função que gera uma lacuna irreparável, no curto prazo.
Ainda que sua atividade funcional possa encontrar formas que permitam “cobrir” sua ausência ou incapacidade, o papel simbólico que ocupa, resultante de qualidades como confiança, relações que possui, força política, visão, não são imediatamente substituíveis.
Por estas razões, os que integram aquela pirâmide de poder devem ao líder, além da lealdade e trabalho, a disposição de assumir sacrifícios por ele. Daí a expressão sobre “tire a cobra do buraco com a mão de outra pessoa, mas fique com o crédito.”
Ficar com o crédito do trabalho de outros é, na política, como em organizações complexas e modernas, um procedimento que se tornou normal. Os assessores dos políticos pesquisam, estudam e redigem projetos, que serão anunciados ou assinados por políticos que não teriam nem tempo, nem, na maioria das vezes, qualificações para produzi-lo.



Escrito por Cid Benjamin às 07h04
[   ] [ envie esta mensagem ]




E viva a imprensa livre!

EUA subornavam jornalistas para falar mal de Cuba

Uma reportagem publicada na sexta-feira na edição online do jornal Miami Herald, da Flórida, afirma que o governo americano pagou milhares de dólares durante vários anos a pelo menos a 10 jornalistas de Miami para que veiculassem histórias negativas sobre Cuba e seu líder, Fidel Castro.
Esses jornalistas, segundo o Miami Herald, recebiam pagamentos regulares do governo dos Estados Unidos para programas na Rádio Martí e na TV Martí.
As duas emissoras, administradas pelo governo americano, transmitem notícias e programas em espanhol para Cuba e, conforme a reportagem, têm o objetivo de "minar o governo comunista de Fidel Castro" e promover a democracia e a liberdade em Cuba.
Segundo o Miami Herald, os três jornalistas que recebiam as somas mais altas trabalhavam para o El Nuevo Herald, jornal de língua espanhola publicado pela mesma empresa do Miami Herald.
Um deles, Pablo Alfonso, que tem uma coluna de opinião no El Nuevo Herald, recebeu US$ 175 mil para apresentar programas nas duas emissoras.
O repórter Wilfredo Cancio Isla recebeu US$ 15 mil, e a freelancer Olga Connor, US$ 71 mil.
Os três foram demitidos do El Nuevo Herald e não comentaram o assunto.

Confiança

O presidente do Miami Herald, Jesus Diaz, acusou os jornalistas envolvidos de violarem a "sagrada confiança" do público.
Um porta-voz das emissoras administradas pelos EUA, Joe O´Connell, negou qualquer irregularidade e afirmou que os jornalistas simplesmente foram pagos por suas contribuições e seu conhecimento a respeito da política cubana.
Há muito tempo o governo cubano acusa os EUA de pagarem jornalistas para promover mudanças políticas na ilha.
Em julho, houve um desentendimento na Argentina entre Fidel Castro e o repórter Juan Manuel Cao, do canal de língua espanhola 41, de Miami.
Cao pressionou o líder cubano a das explicações sobre uma dissidente que foi proibida de deixar Cuba para visitar o filho na Argentina.
Na ocasião, Fidel Castro perguntou a Cao se alguém estava lhe pagando para fazer a pergunta.
Agora, Cao admitiu que recebe pagamento do governo americano, segundo a reportagem do Miami Herald.
"Não há nada de suspeito nisso. Eu faria de graça, mas as regras não permitem. Eu cobro um preço simbólico, abaixo do valor de mercado", disse Cao ao Miami Herald.



Escrito por Cid Benjamin às 17h18
[   ] [ envie esta mensagem ]




Wanderley Monteiro com o grupo Malandros Maneiros no Clube de Engenharia

Para quem gosta da boa música, esta é uma boa pedida. Na próxima sexta, dia 15, a partir das 19h, o excelente cantor e compositor Wanderley Monteiro se apresenta no Clube de Engenharia (Av. Rio Branco, 124 - 24º andar). Ele vai estar acompanhado pelo grupo Malandros Maneiros, uma garotada jovem e que toca uma enormidade.



Escrito por Cid Benjamin às 17h17
[   ] [ envie esta mensagem ]




Para os que não acreditam que o lugar exista...



Escrito por Cid Benjamin às 17h16
[   ] [ envie esta mensagem ]




receba as atualizações do blog por email

Caso você queira receber por email as notas e os artigos postados neste blog, é só nos fazer o pedido no campo reservado aos comentários. 

Escrito por Cid Benjamin às 18h39
[   ] [ envie esta mensagem ]




Agenda de Lula



Escrito por Cid Benjamin às 18h38
[   ] [ envie esta mensagem ]




Frases de hoje

“Quis Deus que eu fosse eleito presidente e criasse uma lei estabelecendo definitivamente a liberdade religiosa.”
Lula, nesta sexta-feira,  em discurso no Templo da Assembléia de Deus de Santa Cruz, Zona Oeste do Rio. Se alguém entendeu, que me explique.

“Há uma certa regressão no país - que fez o impeachment de Collor - quando se passa uma esponja no escândalo do mensalão. Lula e o PT afastaram os acusados, Lula se disse traído, mas a cada solenidade de despedida dos que cometeram delitos levantou a voz para dizer loas morais a essas figuras.”
Caetano Veloso, em entrevista à Folha.



Escrito por Cid Benjamin às 18h38
[   ] [ envie esta mensagem ]




Debate imperdível

A dobradinha Chico Alencar-Cid Benjamin promove esta segunda, dia 11, um debate com César Benjamin, candidato a vice-presidente na chapa de Heloísa Helena, e Milton Temer, candidato ao governo do Rio pelo PSOL, sobre propostas para um programa de governo. O evento vai ser às 19h30, no clube Asa, à Rua são Clemente, 155, em Botafogo.
Apareça e convide amigos.
Chico Alencar concorre à reeleição para deputado federal, com o número 5050, e Cid Benjamin é candidato a deputado estadual, com o número 50050.



Escrito por Cid Benjamin às 18h37
[   ] [ envie esta mensagem ]




Atividades externas da campanha Cid Benjamin

 

Apareça e se some a essas atividades.

Sábado, 9/9

9h – Petrópolis (Cid com Milton Temer e Chico Alencar)
10h/12h30 – Metrô Largo do Machado (Astrid, Cyro e Daniel)
10h/13h – Saenz Peña (pessoal do Rio Comprido)
10h/13h – Av. Copacabana com Sta Clara (Joaquim, Verinha, Guilherme, Pedro, Iago, Fernando, Fátima)
19h/22h – Estação Unibanco e Estação Botafogo (Ani)
20h – Comício doméstico no Cosme Velho, com Chico Alencar

Domingo, 10/9

10h/13h – Aterro do Flamengo, entre o Castelinho e a Rua Barão do Flamengo (Andréa, Lílian, Guilherme e Verinha)
10h/13h – Caminhada da dobradinha Chico Alencar-Cid Benjamin pela Av Atlântica, com início no Leme.
10h/13h – Feira do Andaraí (Gesa e pessoal do Andaraí)
19h/22h – Cinemas de Botafogo (Ani)

2ª feira, 11/9

10h/13h – Praia Vermelha (Cid, Bruno, Vic, Ricardo e Julio)
10h/13h – Faculdade Cândido Mendes Ipanema (João, Leo e Regina)
10h30/12h30 – PUC Pilotis (Aninha, Luísa, Leo Benjamin, Roberto)
10h/12h – UNIRIO (Joaquim, Jacob)
11h/13h – IFCS (Leo, Fátima, Zé Luis)
11h/13h – Cândido Mendes Centro (Renato, Andrea, Vagner)
11h/13h – CACO Direito UFRJ (Raphael e pessoal do Contraponto)
13h – Hospital Universitário do Fundão (Mário, Cid, Chico)
12h/14h – Dataprev (Joaquim, Fernando e Guilherme)
12h/15h – Hospital Pedro Ernesto/Ciências Médicas  (Manoel, Carol, Jucirema, Iná)
16h/18:30h – UNIRIO  (Manuel, Filipe e Saula)
16h/18h30 – UFRJ, Praia Vermelha (Regina, Ula, Paula)
16h/18h30 – Faculdade Veiga de Almeida (Janaína e pessoal do Contraponto)
19h – Debate com César Benjamin e Milton Temer sobre “Conjuntura, eleições e propostas de governo”, no Asa, Rua S. Clemente, 155, Boitafogo.

 

3ª feira, 12/9

10h/13h – Rio Branco com Presidente Vargas, sentido norte (João, Leo e Regina)
12h/13h30 – Rio Branco com 7 de Setembro (Leo, Zé Luis, Renato, Andrea, Fátima, Vagner, Granja)
12h/15h – Praça Afonso Pena (Manuel, Carol e Jucirema)
12h/14h – Dataprev (Cid, Leo e Jacob)
16h/19h – Rua São José próximo Ed Garagem (Paula, Ula e Regina)
16h/19h – Saenz Peña, diante do Banco do Brasil (Vic, Ricardo e Julio)
17h/19h – Afonso Pena (Vic e pessoal do IE)
17h – Largo Machado (Deka e Ângela)
16h/19h – Metrô Figueiredo Magalhães (Manuel, Carol, Jucirema e Guilherme)
16h/19h – Av Copacabana com Miguel Lemos (Fernando, Alieso e Pedro)
17h/19h – Rio Branco com 7 de Setembro (Cid, Ivan, Raimundo, Fátima, Raphael)
20h – comício doméstico em Copacabana (Cid)

4ª feira, 13/9

8h – Metrô Flamengo (Astrid e Jacob)
8:30h – Café da manhã no Ecad (Chico e Cid)
10h/13h – Rio Branco com Ouvidor (João, Leo e Regina)
11h45/14h – Nova Iguaçu (Cid, Leo Benjamin, Jacob e pessoal de N Iguaçu)
12h/13h30 – Lume (Zé Luis, Renato, Granja, Fátima, Andrea)
16h/19h – Saenz Peña, Off Shoping (Vic, Ricardo e Julio)
16h/18h30 – Rio Branco  com 7de Setembro (Paula, Ula, Regina)
16h18h30 – Av. Copacabana com Sta Clara (Manoel, Carol, Jucirema e Guilherme)
16h19h – Copacabana com Miguel Lemos (Fernando e Pedro)
17h30/18h30 – UERJ (Cid, Janaína, Jacob, Raphael)
19 h – reunião da campanha, na R. Miguel Lemos, 54
21h – Comício doméstico com Raymundo de Oliveira (Cid)



Escrito por Cid Benjamin às 18h37
[   ] [ envie esta mensagem ]




Mantendo a coerência

José Dirceu critica, em seu blog, o fim do voto secreto para deputados e senadores, proposta que classifica como “perigosa”.
Faz sentido. Se ele existisse a maioria dos mensaleiros teria tido o mandato cassado. Com o voto secreto e o conluio entre PT, PTB, PP, PL e que tais, a maior parte deles foi absolvida pela Câmara.



Escrito por Cid Benjamin às 18h35
[   ] [ envie esta mensagem ]




Jorge Vianna compra briga com Sarney

Esta é do blog do Noblat

Está formado um grande rebu na política da Amazônia com o apoio do governador do Acre, coordenador da campanha de Lula na região Norte do país, Jorge Vianna as candidaturas de João Capiberibe (PSB) ao governo do Amapá e Cristina Almeida (PSB) ao Senado, que será anunciado, hoje [sexta-feira], em Macapá em coletiva de imprensa.
Com a decisão, Jorge Vianna compra uma briga com o senador José Sarney, adversário de João Capiberibe, e com o PT do Amapá, que apóia a candidatura à reeleição do senador do PMDB informalmente.
O PT do Amapá não lançou candidato ao Senado para apoiar Sarney, lançou apenas um candidato laranja ao governo do Estado para pedir votos para Lula e bater em Capiberibe, servindo de linha auxiliar na TV à candidatura ao governo do Estado da coligação de Sarney, cujo candidato à reeleição é o governador Waldez Góes (PDT).
O senador José Sarney tentou, durante toda a semana, convencer Lula a impedir a ida de Vianna ao Amapá, mas o presidente tirou o corpo fora, dizendo que isso não era com ele e que o Jorge sabia o que estava fazendo.
O senador José Sarney está enfrentando, aos 77 anos, o mais duro embate eleitoral de toda a sua carreira política.
O apoio de Jorge Vianna a Capiberibe e Cristina pode ser um golpe mortal nas pretensões de Sarney.

Uma derrota de Sarney a esta altura seria o fim de sua carreira política. Eis um personagem que não faria falta.



Escrito por Cid Benjamin às 18h35
[   ] [ envie esta mensagem ]




Pérolas do horário eleitoral na TV

Conheçam o Super-Moura, candidato a deputado pelo PSL. É só ir no endereço http://www.youtube.com/watch?v=3G6lcigBRhU.



Escrito por Cid Benjamin às 18h34
[   ] [ envie esta mensagem ]




Jornalismo ou press-release?

O Globo desta quinta-feira publicou matéria informando que o Pentágono modificou as regras dos interrogatórios de presos por parte de militares norte-americanos. Por ela, ficamos sabendo que “o novo Manual de campo do Exército proíbe técnicas de questionamento que até agora eram permitidas, como choques elétricos, afogamentos e simulação de execuções”. Que o Pentágono classifique estas modalidades de tortura de “técnicas de questionamento”, vá lá. Que o jornal incorpore a terminologia, é escandaloso.
Quem se dispuser a ler a matéria até o fim, verá ainda, sem qualquer destaque, no último parágrafo: “O manual, no entanto, vale apenas para militares, não tendo qualquer poder sobre agentes da CIA”. Ou seja, tais “técnicas de questionamento” continuam permitidas nos interrogatórios conduzidos por agentes da CIA.
Ao longo de minha trajetória profissional, já vi muita gente, por incompetência ou preguiça, reproduzir releases como se fossem matérias jornalísticas. É o que fez O Globo neste caso.



Escrito por Cid Benjamin às 18h33
[   ] [ envie esta mensagem ]




E tudo ficará por isso mesmo

Do Blog do Noblat.

Ora, ora, ora...
O Senado norte-americano divulgou hoje [sexta-feira] relatório onde conclui que não há nenhuma evidência de que o ditador deposto do Iraque, Saddam Hussein, tivesse qualquer tipo de relacionamento com os terroristas da Al-Qaeda.
A suposta ajuda dada por Sadam à Al-Qaeda, responsável pelo ato terrorista de 11 de setembro de 2001, foi um dos pretextos de que se valeu Bush para invadir o Iraque. Outro pretexto: a existência ali de armas de destruição em massa.
Não foi encontrada uma só arma.
Quer dizer: com base em mentiras e sem autorização da ONU, os Estados Unidos e seus aliados invadiram o Iraque, um país soberano, derrubaram seu ditador-presidente e provocaram uma guerra civil que já matou milhares de pessoas.
E tudo ficará por isso mesmo - menos o petróleo, que passou ao controle dos invasores. O Iraque é o segundo maior produtor de petróleo do mundo.



Escrito por Cid Benjamin às 18h32
[   ] [ envie esta mensagem ]




Acusados da morte de estudante em trote da USP são inocentados

Da Folha.

A morte de Edison Tsung Chi Hsuen, em 1999, na piscina da Atlética da USP (Universidade de São Paulo), durante um trote, não passou de “uma brincadeira — de muito mau gosto — em uma festa de estudantes”, não existindo elementos para se responsabilizar alguém por sua morte. Este é o entendimento da 6ª Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça) que mandou trancar a ação penal movida pelo MP (Ministério Público) de São Paulo contra Frederico Carlos Jaña Neto, Ari de Azevedo Marques Neto, Guilherme Novita Garcia e Luís Eduardo Passarelli Tirico, por “falta de justa causa a embasar a denúncia”.
Hsueh, calouro do curso de medicina da USP (Universidade de São Paulo), morreu afogado em fevereiro de 1999, durante um trote na piscina da Associação Atlética Acadêmica Oswaldo Cruz. Os acusados pela morte eram veteranos do curso de medicina da USP e foram denunciados pelo MP-SP por homicídio qualificado, por afogamento, com dolo (intenção) eventual, pois não procuraram o resultado morte, mas acabaram assumindo o risco de produzi-la com seus atos.

Pelo menos alguns dos acusados são de alta renda e foram defendidos por alguns dos mais caros escritórios de advocacia do país, entre eles o do atual ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos. Alguém acredita que se não fosse assim estariam em liberdade?



Escrito por Cid Benjamin às 18h32
[   ] [ envie esta mensagem ]




Burrice mata – texto de Gilberto Dimenstein

Este artigo, publicado na Folha em 27/08, me foi mandado pelo meu irmão Léo.

Por falta de cuidados básicos, muitos jovens não aprendem a ler e a escrever porque enxergam ou ouvem mal
Um magnífico exemplo da combinação entre miséria e incompetência pública é a saúde dos alunos da rede municipal de São Paulo.

Atenção, candidatos: esse fato, quase desconhecido, ajuda a entender por que no Brasil os estudantes têm tanta dificuldade de aprender e tanta facilidade de cair na marginalidade, engrossando o clima de violência.
A Secretaria Municipal da Educação constatou que os alunos sofrem dos seguintes problemas:
1) abaixo dos dois anos de idade, 54% têm anemia de ferro. Em média, até os sete anos de idade, a taxa é de 28%. Esse problema se traduz em cansaço crônico e dificuldade de concentração;
2) 20% apresentam algum tipo de verminose;
3) 10% têm deficiência visual;
4) 59% apresentam lesões bucais e cáries.
Mais do que a saúde dos estudantes da cidade mais rica do país -paradoxalmente um centro mundial de medicina - o que chama a atenção é a obviedade de que essas doenças são facilmente tratáveis.
Bastaria apenas que as redes públicas de saúde, educação e assistência social trabalhassem em conjunto, sem que se gastasse quase nada a mais.
O resultado é que, por falta de um cuidado básico, milhões de brasileiros não conseguem aprender a ler e a escrever porque enxergam ou ouvem mal. Com o tempo, passam a ser estigmatizados, apontados como relapsos, preguiçosos, vagabundos.
Não falta quem proponha para eles, em nome da excelência acadêmica, a receita mágica da repetência.
Daí a se transformarem em seres raivosos, ressentidos, é apenas um pulo.
Se temos de discutir com um mínimo de profundidade as questões da violência e da educação, somos obrigados a encarar como imprescindível o atendimento integral às crianças e adolescentes, a começar das creches. Mas não é o que se vê no discurso de nenhum dos candidatos; é mais fácil, afinal, falar na repressão.
O criminoso inicia sua formação na família, avança na escola, é estimulado na rua e se aperfeiçoa na prisão -essa é a cadeia que deve ser rompida.
Na coluna anterior, relatei o caso do Jardim Ângela, um conglomerado de favelas da zona sul paulistana, onde a taxa de assassinatos caiu 75%. Nesta semana, o "Financial Times" apontou Diadema, que já foi a cidade campeã de violência no Estado de São Paulo, como um exemplo de solução metropolitana, apesar da escassez de recursos.
Jardim Ângela e Diadema implementaram programas articulados sociais e policiais, a partir da mobilização comunitária -e, só por isso, reduziram rapidamente seus índices de criminalidade.
Em ambos os lugares, a atitude educativa foi o que deu sentido às ações. Educaram-se os policiais a entender a comunidade e educou-se a comunidade a entender os policiais. Lançaram-se programas para jovens em liberdade assistida e ofereceram-se atividades culturais, como o rap e o grafite, complementares à escola.
Os especialistas falam e ninguém duvida de que uma das maneiras de enfrentar o PCC é usar a inteligência policial: ou seja, obter mais e melhores informações, saber como e quando usá-las, além de integrar várias repartições oficiais.
Casos como o de Diadema revelam o poder da inteligência social, a capacidade de, usando poucos recursos, encontrar soluções, tirando o máximo proveito do que está disponível.
Só uma extrema burrice administrativa explica por que uma cidade tão rica como São Paulo, sede de hospitais mundialmente elogiados e de sofisticadas pesquisas em genética, consegue ter tantos estudantes com anemia de ferro e verminoses.
Se isso explica os indicadores educacionais paulistanos abaixo dos de quase todas as capitais nordestinas -perdem de longe para Teresina- também dá uma dica sobre como produzimos o desemprego juvenil e a mão-de-obra tão abundante para o PCC.
A verdade é que burrice também mata.



Escrito por Cid Benjamin às 18h30
[   ] [ envie esta mensagem ]




Romário diz que deve se aposentar este ano

Esta nota é da agência EFE.

O atacante Romário confessou hoje que está 99% certo de que este será seu último ano como jogador profissional. Romário deu estas declarações em sua chegada a Porto Rico, onde seu time atual, Miami FC, enfrentará a equipe porto-riquenha do Islanders, na sexta-feira e no domingo.
"Acho que este será meu último ano. Já estou 99% certo de que vou me aposentar", disse o jogador, no aeroporto internacional Luis Muñoz Marín.
O atacante, que está próximo à marca dos mil gols, afirmou que será "impossível" chegar a este número.
Eleito em 1994 o melhor jogador do mundo, Romário está a ponto de concluir seu contrato de seis meses com o Miami FC, que disputa a United Soccer Ligue, campeonato paralelo à Major League Soccer (MLS), principal liga dos Estados Unidos.

Ora, nós todos confiamos em que Eurico Miranda fará questão de que Romário encerre sua carreira no Vasco, para onde virá assim que seu contrato em Miami se encerrar. Talvez para jogar mais uns dois ou três anos.



Escrito por Cid Benjamin às 18h30
[   ] [ envie esta mensagem ]




Receba por e-mail as atualizações deste blog

Caso você queira receber por e-mail as notas e os artigos postados neste blog, é só nos fazer o pedido no campo reservado aos comentários.

Escrito por Cid Benjamin às 10h50
[   ] [ envie esta mensagem ]




Nem com muito tempero....



Escrito por Cid Benjamin às 10h47
[   ] [ envie esta mensagem ]




Apoio constrangedor

“Vou votar no presidente Lula porque ele é nordestino”.
Fernando Collor.



Escrito por Cid Benjamin às 10h46
[   ] [ envie esta mensagem ]




Acerca de compatibilidades

“Eles se merecem, são compatíveis”.
Heloísa Helena, sobre a declaração de apoio de Collor a Lula



Escrito por Cid Benjamin às 10h46
[   ] [ envie esta mensagem ]




Super-pelego

“No mundo do trabalho é assim: quando a empresa está produzindo mais, ela contrata mais; quando está produzindo menos, descontrata. Sempre foi e sempre será. O que não podemos é fazer um cavalo de batalha”.
Lula, dando munição à direção da Volkswagen na mesa de negociações sobre a demissão de 1.800 metlúrgicos em são Bernardo. Para azar de Lula, depois dessa declaração mais do que pelega, a empresa suspendeu as demissões, pressionada pela greve dos trabalhadores. Se os metalúrgicos não tivessem feito um cavalo de batalha com as demissões...



Escrito por Cid Benjamin às 10h46
[   ] [ envie esta mensagem ]




Contraponto

É inaceitável que a sociedade brasileira concorde com uma política que incentiva o rentável jogo no mercado financeiro ao invés de apostar na produção. É neste cenário que os metalúrgicos do ABC passam a ser apenas números nas sombrias estatísticas do desemprego”.
Heloísa Helena sobre a demissão dos 1.800 trabalhadores.



Escrito por Cid Benjamin às 10h45
[   ] [ envie esta mensagem ]




Extra o quê?

Se a gente não cumprir as promessas é porque houve fatores extraterrestres que não permitiram que cumpríssemos.
Lula



Escrito por Cid Benjamin às 10h45
[   ] [ envie esta mensagem ]




Debate imperdível

Anote na agenda: na próxima segunda-feira, dia 11, a dobradinha Chico Alencar/Cid Benjamin vai promover um debate sobre as propostas do PSOL. Participarão César Benjamin, candidato a vice de Heloísa Helena, e Milton Temer, candidato ao governo do Rio. O evento será no Clube Asa, à Rua São Clemente, 155, Botafogo, a partir das 19h30. Apareça e convide os amigos.



Escrito por Cid Benjamin às 10h45
[   ] [ envie esta mensagem ]




O estadista Severino

Depois de renunciar para evitar a cassação do mandato, por ter cobrado propina do concessionário de uma lanchonete na Câmara, o ex-presidente da Casa Severino Cavalcanti tornou-se o homem forte de Lula em Pernambuco. Ganhou de presente o Ministério das Cidades, defenestrando Olívio Dutra. Lá, instalou um cupincha e ganhou uma sala com várias secretárias. Nela, despacha com prefeitos e determina a liberação de verbas federais. Para se ter uma idéia do estadista que é Severino, é só clicar no endereço http://www.youtube.com/watch?v=VXoASdq5e6k. É o vídeo de uma entrevista dele no tempo em que ainda presidia a Câmara.



Escrito por Cid Benjamin às 10h45
[   ] [ envie esta mensagem ]




Chutando o pau da barraca

Do Blog do Noblat.

O deputado Paulo Feijó (RJ) surpreendeu os próprios assessores com o discurso feito hoje [segunda-feira]no plenário da Câmara. Acusado de integrar a Máfia dos Sanguessugas, o deputado se desligou do PSDB para não sofrer processo de expulsão sumária. Agora, ataca o presidente do partido, Tasso Jereissati (CE).
- Que moral ele tem para pedir a minha expulsão? Abram uma CPI contra as empresas dele e vê se ele resiste. Eu pedi o meu desligamento do partido porque não ia dar o gosto a esses pilantras que queriam me expulsar.



Escrito por Cid Benjamin às 10h44
[   ] [ envie esta mensagem ]




Usando a máquina

Esta é do site Contas Abertas.

Com a proximidade das eleições, a corrida para ampliar o número de beneficiados pelo Bolsa Família está em ritmo acelerado. Os pagamentos destinados às "transferências de renda com condicionalidades" cresceram 56% em apenas um mês. O salto foi de R$ 632,4 milhões em junho para R$ 990,6 em julho deste ano. O valor gasto em julho foi 73% maior que a média orçamentária do programa nos últimos seis meses, que ficou em torno de R$ 573,6 milhões.



Escrito por Cid Benjamin às 10h44
[   ] [ envie esta mensagem ]




O Collor de 2010 está saindo do forno da mídia

Esta nota é do blog do Marona (http://blogdomarona.blogspot.com/)

No ano passado, o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, obteve espaço em praticamente todas as grandes colunas políticas do país para a exaltação do sucesso do programa que denominou "Déficit Zero". Ninguém deixou de rasgar elogios ao jovem dublê de governador e mauricinho-quase-carioca.
Recentemente, o Tribunal de Contas denunciou que o "déficit zero" foi uma fraude, resultado de grosseira manipulação contábil. Apenas a Folha de S. Paulo publicou a notícia. Neste fim de semana, de novo a Folha denunciou que os investimentos do governo de Minas em saúde também foram "superfaturados" fraudulentamente.
Além da Folha, nenhum grande jornal deu nada. E nenhum colunista que abriu espaço para bajular Aecinho registrou o conto do vigário de que foi vítima -voluntária ou não.
Estão fabricando o Collor de 2010.



Escrito por Cid Benjamin às 10h43
[   ] [ envie esta mensagem ]




Discurso que se mantém atual

Este texto me foi enviado pelo meu irmão Léo. Escrito há mais de dois mil anos, não perdeu a atualidade. É de um discurso de Cícero, tribuno romano, e foi proferido em 42 a.C. Ele me fez lembrar de Lula.

Uma nação pode sobreviver aos idiotas e até aos gananciosos.
Mas não pode sobreviver à traição gerada dentro de si mesma.
Um inimigo exterior não é tão perigoso, porque é conhecido e carrega suas bandeiras abertamente.
Mas o traidor se move livremente dentro do governo, seus melífluos

sussurros são ouvidos entre todos e ecoam no próprio vestíbulo do Estado.
E esse traidor não parece ser um traidor; ele fala com familiaridade a suas vítimas, usa sua face e suas roupas e apela aos sentimentos que se alojam no coração de todas as pessoas.
Ele arruína as raízes da sociedade; ele trabalha em segredo e oculto na noite para demolir as fundações da nação; ele infecta o corpo político a tal ponto que este sucumbe."



Escrito por Cid Benjamin às 10h43
[   ] [ envie esta mensagem ]




Uma notícia alvissareira

Está previsto que, a partir de hoje, 4 de setembro, toda a coleção do Pasquim, composta de 1.072 edições, será publicada no site www.memoriaviva.com.br. O site já traz o conteúdo de outras publicações importantes do país, como O Cruzeiro



Escrito por Cid Benjamin às 10h43
[   ] [ envie esta mensagem ]




Uma notícia preocupante

A fonte desta nota é o blog do Josias de Souza, da Folha.

O senador Eduardo Suplicy vai cantar no jantar que organizou para esta segunda-feira no Tom Brasil, em São Paulo, com o objetivo de arrecadar fundos. Ele consultou o TSE para saber se artistas, como seus filhos, poderiam cantar no jantar. A resposta dói negativa. Então, cantará ele próprio. Deve atacar de "Blowin" in the Wind".
Os dois mil ingressos estão à venda por R$ 50, R$ 100 e R$ 500. Suplicy está divulgando até mesmo o telefone de sua casa para quem quiser comprar o ticket na última hora.



Escrito por Cid Benjamin às 10h42
[   ] [ envie esta mensagem ]




Programação da Campanha Cid Benjamin

Como a maioria dos leitores do blog já sabe, sou candidato a deputado estadual no Rio pelo PSOL, com o número 50050. Abaixo, listo a programação de atividades de panfletagem da campanha nos próximos dias. Quem quiser se somar a elas, é só aparecer. Será muito bem-vindo.

3ª feira, 5/9

10h/13h – Rio Branco com Ouvidor (João, Leo, Regina)
12h/15h – Praça Afonso Pena  (Manuel, Carolina e Jucirema)
12h/13h30 – Buraco do Lume (Leo Lince, Granja, Zé Luis, Fátima, Renato, Vagner, Andrea)
12h/14h – Dataprev, Rua Mena Barreto (Cid, Jacob e Fernando)
16h/19h – Saenz Peña, lado do Banco do Brasil (Julio, Ricardo, Vic)
17h/19h – Praça Afonso Pena (Vic e pessoal do IE)
16h/19h – Metrô Carioca, saída Petrobrás (Regina, Paula, Ula)
16h/19h – Saída Metrô Figueiredo Magalhães (Manuel, Felipe, Saula e Guilherme)
16h/19h – Av Copacabana com Miguel Lemos (Fernando, Alieso e Pedro)
17h – Largo do Machado (Deka, Ângela)
20h – Comício doméstico na Ilha do Governador.

4ª feira, 6/09

8h – Metrô Largo do Machado (Luísa, Astrid e Jacob)
8h – Metrô Voluntários (Cyro e Daniel)
10h/13h – Rio Branco com Pres Vargas, calçada direção zona norte (João, Leo, Regina)
12h/13:30h – Buraco do Lume (Granja, Renato, Andréa, Zé Luís, Fátima, Vagner)
11h30/13h – UERJ (Cid, Jacob e Iná)
11h30/13h -  Petrobrás (Joaquim, Leo Benjamin e Fátima)
12h/15h – Saenz Peña, integração metrô p/ Grajaú (Manuel, Carolina e Jucirema)
16h/19h – Pç S Pena, Off Shoping (Vic, Julio, Ricardo)
16h/19h – Saída Metrô Figueiredo Magalhães (Manuel, Felipe e Saula)
15h30/18h30h – São José, próximo à entrada do Ed Garagem (Regina, Paula, Ula e Pedro)
16h/19h – Av Copacabana com Miguel Lemos (Fernando, Alieso)
17h – debate ABI promovido pelo SEPE (Janaína, Raphael, Cid)
18h – Gama Filho, Candelária (Joaquim, Iago)
21h – circuito Lapa com início em frente ao comitê Chico Alencar na Travessa do Mosqueira (Cid, Aninha, Ângela, Luísa, Janaína, Jacob, Deka)

 

5ª feira, 7/09

9h – Grito dos Excluídos, Presidente Vargas com Uruguaiana (Fátima, Jacob, Raphael e Astrid)
10/13h – Aterro, altura da Paissandu (Cid, Andréa, Guilherme, Verinha, Leo, Daniel e Lílian)
10h/13h – Quinta da Boa Vista (Pessoal do Rio Comprido)
10h/13h – Posto 9 (Joaquim, Renato, Alieso, Iago, Leo Benjamin, Pedro)
14h – caminhada pela Atlântica, encontro na praça do Leme (Cid, Ângela, Luísa, Cyro e Fernando)
19h – cinema Estação Unibanco (Cid, Joaquim, Iago, Guilherme e Vic)

6ª feira, 8/09

10h – caminhada pela Rio Branco até o Lume, encontro na Pça Mauá (Chico, Cid, João, Leo, Regina, Joaquim, Cid, Leo Benjamin)
12h/13:30 – Rio Branco c/ 7 de Set (Zé Luis, Leo, Fátima, Renato, Vagner, Granja)
12h/15h – S. Peña, terminais de integração (Carolina e Jucirema)
16h/19h – S. Peña, calçada oposta ao BB  (Vic, Julio, Ricardo)
16h/19h – Metrô Carioca lado Rio Branco (Regina, Paula, Ula)
19h/22h – Cinemas de Botafogo: Unibanco (Cid e Leo); Artplex (Fernando, Guilherme e Pedro)
22h – Cobal, Humaitá, Pizza Park (Joaquim, Leo, Cid e Guilherme)

Além disso, Verinha e Vagner panfletam  em pontos ônibus do Centro às segundas, terças, quintas e sextas-feiras, a partir das 17h



Escrito por Cid Benjamin às 10h42
[   ] [ envie esta mensagem ]




De olho no rebanho

Josias de Souza informa em seu blog, na Folha On Line, que em carta endereçada aos evangélicos, Lula faz referências à Bíblia e diz que "nunca na história deste país" se investigou tanto denúncias de corrupção como agora. "Sei que o povo evangélico tem fortes princípios e valores éticos", diz o presidente.
Segundo Josias, em linguajar em tudo semelhante ao dos cultos evangélicos, Lula diz que agradece a Deus "por ter tido a honra de servir às igrejas", sem fazer distinção entre as denominações. No final, o presidente diz contar com as "orações" dos evangélicos para se reeleger.



Escrito por Cid Benjamin às 10h41
[   ] [ envie esta mensagem ]




A diferença entre “foco no problema” e “foco na solução”

 

Esta historinha me foi mandada pelo Aníbal Monarcha. É engraçada.

Quando a Nasa iniciou o lançamento de astronautas, descobriu que as canetas não funcionariam com gravidade zero. Para resolver este enorme problema, contrataram a Andersen Consulting, hoje Accenture.
Esta última, depois de estudos que levaram uma década e 12 milhões de dólares, conseguiu desenvolver uma caneta que escrevesse com gravidade zero, de ponta cabeça, debaixo d'água, em praticamente qualquer superfície incluindo cristal e em variações de temperatura desde abaixo de zero até mais de 300 graus Celsius.
Os russos usaram um lápis...



Escrito por Cid Benjamin às 10h41
[   ] [ envie esta mensagem ]




Zona de rebaixamento

Pra não dizerem que eu só gozo os vascaínos...



Escrito por Cid Benjamin às 10h41
[   ] [ envie esta mensagem ]




Secretária-eletrônica do hospital psiquiátrico

Toca o telefone: triiimmm, triiimmm, triiimmm.
Responde a secretária-eletrônica:
"Obrigado por ter ligado para o Instituto de Saúde Mental, a companhia mais > certa para seus momentos de maior loucura."
Se você é obsessivo-compulsivo, aperte repetidamente o número 1;
Se você é co-dependente, peça a alguém que aperte o número 2 por você;
Se você tem múltipla personalidade, aperte 3, 4, 5 e 6;
Se você é paranóico, nós sabemos quem é você, o que você faz e o que quer. Espere na linha enquanto rastreamos sua chamada;
Se você sofre de alucinações, aperte o 7 nesse telefone colorido gigante que só você vê à sua direita;
Se você é esquizofrênico, escute cuidadosamente, e uma voz interior lhe indicará o número a pressionar;
Se você é depressivo, não importa que número aperte. Nada vai lhe tirar de sua lamentável situação;
Porém... se você vai votar no Lula, desligue e espere até 2007! Aqui só atendemos loucos e não imbecis!
Obrigado!



Escrito por Cid Benjamin às 10h40
[   ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]


 
Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, Homem
Histórico
  16/12/2007 a 31/12/2007
  01/12/2007 a 15/12/2007
  16/11/2007 a 30/11/2007
  01/11/2007 a 15/11/2007
  16/10/2007 a 31/10/2007
  01/10/2007 a 15/10/2007
  16/09/2007 a 30/09/2007
  01/09/2007 a 15/09/2007
  01/08/2007 a 15/08/2007
  16/07/2007 a 31/07/2007
  01/07/2007 a 15/07/2007
  16/06/2007 a 30/06/2007
  01/06/2007 a 15/06/2007
  16/05/2007 a 31/05/2007
  01/05/2007 a 15/05/2007
  16/04/2007 a 30/04/2007
  01/04/2007 a 15/04/2007
  16/03/2007 a 31/03/2007
  16/12/2006 a 31/12/2006
  16/11/2006 a 30/11/2006
  01/11/2006 a 15/11/2006
  16/10/2006 a 31/10/2006
  01/10/2006 a 15/10/2006
  16/09/2006 a 30/09/2006
  01/09/2006 a 15/09/2006
  16/08/2006 a 31/08/2006
  01/08/2006 a 15/08/2006
  16/07/2006 a 31/07/2006
  01/07/2006 a 15/07/2006
  16/06/2006 a 30/06/2006
  01/06/2006 a 15/06/2006
  16/05/2006 a 31/05/2006
  01/05/2006 a 15/05/2006
  16/04/2006 a 30/04/2006
  01/04/2006 a 15/04/2006
  16/03/2006 a 31/03/2006
  01/03/2006 a 15/03/2006
  16/02/2006 a 28/02/2006
  01/02/2006 a 15/02/2006
  16/01/2006 a 31/01/2006
  01/01/2006 a 15/01/2006
  16/12/2005 a 31/12/2005
  01/12/2005 a 15/12/2005
  16/11/2005 a 30/11/2005


Outros sites
  UOL - O melhor conteúdo



O que é isto?